Você tem a sua vida financeira organizada?

É um assunto delicado e até mesmo um pouco chatinho, mas a verdade é que: se a sua vida financeira não está organizada você terá sérios problemas mais cedo ou mais tarde.  Gostaria muito de poder falar com mais autoridade sobre o assunto, entretanto não sou formada e não possuo nenhuma especialização econômica financeira. Porém, o que eu posso oferecer à  você são exemplos reais e métodos que eu utilizei para organizar a minha vida financeira.

Sempre fui muito reservada e controlada com os meus gastos. Meus amigos me chamavam de mão de vaca, mas a verdade é que sempre tive que contar com muito pouco, antes deu começar a trabalhar meus pais sempre me ajudavam com uma pequena contia em dinheiro que era a minha mesada. Minha mãe sempre nos estimulou a poupar o que tínhamos. Eu sempre quis muito tudo que os meus “amiguinhos” tinham, mas tinha consciência que não teria por que não minhas condições eram outras.

Quando comecei a trabalhar, fazer os meus estágios, etc. eu comecei a guardar uma “graninha” porque eu sempre pensei na conquista dos meus sonhos. Claro que também tinha as minhas despesas que eu sempre venci com elas, mas deixava de sair, deixava de ir a um show e guardava aquele “dinheirinho”.

poupanca

Tenho uma amiga muito próxima que estudava comigo e começamos a fazer estágios e freelar. Essa minha amiga era muito consumista, sempre comprava tudo que estava pela frente… e eu era exatamente o oposto! Nos afastamos pelas adversidades da vida e outro dia nos encontramos. Foi muito nostálgico e um encontro que certamente nos fez pensar individualmente o rumo que a vida toma quando não temos um planejamento.

Essa minha amiga está com sérios problemas financeiros, com a vida financeira totalmente desagregada e claro com isso vem os problemas de relacionamento com a família.  Tentei ajudá-la com algumas dicas meramente baseadas nas premissas financeiras, mas tenho certeza que elas foram em vão. Ali pude perceber que a organização financeira pode te ajudar muito em todas as áreas de sua vida.

Analise a sua situação

  1. Qual é o seu quadro financeiro?
  2. Você utiliza algum método de controle de seus gastos?
  3. Como você controla os seus gastos? Você sabe para onde vai o seu dinheiro?

Se você tiver o hábito de anotar todos os seus gastos já será um bom começo.

Mas você sabe quais são as suas despesas fixas e variáveis não sabe? 

Vamos começar do princípio…você sabe o que é uma despesa fixa?

O próprio nome pode sugerir que as despejas fixas são valores intocável, mas não é bem assim não. Sua despesa fixa são todas aquelas que  possuem uma periodicidade, ou seja, são aquelas que ocorrem todos os meses. Quer um exemplo: aluguel,  plano de saúde, plano odontológico, seguro veicular, seguro de vida, mensalidade escolar, etc.

E as despesas variáveis?

As despesas variáveis são aquelas que estão vinculadas a um determinado nível de consumo.  E elas sempre variam o valor. Mais um exemplo para clarear: água, energia, combustível, alimentação, etc.

É muito importante conhecermos as nossas despesas fixas e variáveis. Sabe porque? Quando você conhece as suas despesas fixas e variáveis torna-se mais fácil administrar o orçamento familiar. Se você precisar reduzir o consumo em imediato as despesas variáveis são mais fácies de reduzir, a partir do consumo. Já as fixas, são possíveis sim de fazer essa redução, mas demandam maior tempo.

Entendeu? Simples neh? Então o seguinte. Vamos fazer um exercício. Você conhece suas despesas fixas e variáveis. Podemos começar a organizar nossa vida financeira por aí.

 

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *